Home Implementação de Sistemas de Gestão & Gestão de empresas turísticas

Tem dúvidas?

Quer saber se a sua empresa se pode candidatar? Não hesite em falar connosco!

formacao@pensamentosabio.pt

Implementação de Sistemas de Gestão & Gestão de empresas turísticas

Quer desenvolver competências para reorganizar e melhorar o processo de gestão do seu negócio? Aproveite esta oportunidade e beneficie de um incentivo de 90% a fundo perdido!

O QUE É?

O programa Formação-Ação tem como objetivo intensificar a formação das PME do setor do Turismo para a reorganização e melhoria das capacidades de gestão, assim como dos seus trabalhadores através de:

Aumento da qualificação específica dos trabalhadores em domínios relevantes para as empresas;
Aumento das capacidades de gestão das empresas para encetar processos de mudança e inovação;
Promoção de ações de dinamização e sensibilização para a mudança e intercâmbio de boas práticas.

INTERVENÇÃO

A formação-ação é uma intervenção com aprendizagem em contexto organizacional, que mobiliza e internaliza competências com vista à persecução de resultados assentes numa estratégia de mudança empresarial. Trata-se de uma metodologia que implica a mobilização em alternância das vertentes de Formação e Consultoria.

 

A Formação (em sala) procura desenvolver competências nas diferentes áreas de gestão, dando resposta às necessidades de formação existentes. A Consultoria (on the job) visa aumentar a produtividade, a capacidade competitiva e a introdução de processos de mudança/inovação nas empresas.

ÁREA DE INTERVENÇÃO

Implementação de Sistemas de Gestão: Prepara a empresa para a certificação em áreas como Qualidade, Segurança e Ambiente. Admitindo a importância para muitas organizações da transição da NORMA ISO9001:2008 para a NORMA ISO9001:2015, o principal enfoque desta edição estará no processo de adaptação do sistema.

 

Gestão de empresas turísticas: O consultor fará uma avaliação das áreas mais vulneráveis, mais críticas e irá trabalhar, juntamente com as empresas, essas áreas.

Em termos gerais, no fim desta temática pretende-se que as PME saibam utilizar as principais ferramentas de gestão tendo em conta as especificidades da atividade turística e a complexidade das suas empresas no âmbito da:

adaptação ao novo contexto empresarial;
aplicação do conceito valor-cliente ao seu negócio;
marketing e gestão da qualidade: na orientação para o cliente/turista;
fidelização, criação e gestão de clube de clientes;
gestão das marcas e do posicionamento de mercado;
importância do yield management na gestão;
evolução do marketing eletrónico e dos desafios futuros;
negócio eletrónico e seus modelos;
execução de práticas de gestão, nomeadamente na preparação e elaboração de planos de atividades.

HORAS DE FORMAÇÃO & CONSULTORIA

Implementação de Sistemas de Gestão:
– 40h Formação
– 60h Consultoria

 

Gestão de Empresas Turísticas:
– 40h Formação
– 60h Consultoria

 

As horas de formação contam para as 40h de formação obrigatória aos trabalhadores

COMO FUNCIONA?

Implementação de Sistemas de Gestão:

1. Diagnóstico (10h)
2. Planeamento (10h)
3. Implementação (75h)
– Consultoria (35h)
– Formação em sala (35h)
– Workshops Inter-empresas (5h)
4. Avaliação (5h)

 

Gestão de Empresas Turísticas:

1. Diagnóstico (10h)
2. Planeamento (10h)
3. Implementação (95h)
– Consultoria (20h)
– Formação em sala (75h)
4. Avaliação (10h)

DESTINATÁRIOS

Micro e pequenas empresas produtoras de bens e serviços transacionáveis e/ou internacionalizáveis, ou que contribuam para a cadeia de valor dos mesmos.

DESTINATÁRIOS ELEGÍVEIS

Alojamentos;
Agências de Viagens;
Restauração e Similares;
Atividades de Aluguer;
Atividades de Organização de Feiras, congressos e outros eventos similares;
Atividades Termais;
Atividades de Teatro, de música, de dança e outras atividades artísticas e literárias;
Atividades das bibliotecas, arquivos, museus e outras atividades culturais;
Atividades desportivas, de diversão e recreativas;
Atividades de Bem-Estar Físico;
Transportes.

NOVIDADES

A formação será completamente desenhada à medida do cliente sem recorrer às UFCD’s;
Alargamento das temática a abordar;
As microempresas podem optar pela modalidade intra empresa.

Ficou interessado? Não perca esta oportunidade e entre em contacto connosco sem qualquer compromisso!